Saúde

Pesquisa comprova: natação é remédio para asma

Pesquisa comprova: natação é remédio para asma

 

Crianças que praticam o esporte reduzem as crises da doença devido ao perfil da atividade

 

As braçadas em uma piscina ganharam "selo científico" de que fazem bem para a asma, mostra estudo feito por pesquisadores da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

 

Segundo os resultados publicados no Jornal da Sociedade Brasileira de Pediatria, a prática da natação diminui a hipersensibilidade dos brônquios das crianças asmáticas, diminuindo as crises e os ataques de falta de ar.

 

Para chegar às conclusões, os pesquisadores acompanharam 30 pacientes entre 7 e 18 anos, todos em tratamento no Hospital das Clínicas de Campinas, e utilizaram um marcador bioquímico para a asma. No início do estudo, apenas 4 voluntários sabiam nadar mas todos fizeram aulas duas vezes por semana, por 50 minutos, durante três meses.

 

Ao final da análise, todos os participantes tiveram reduzidos os marcadores da asma e não apresentaram crises sérias no período. Ao jornal da Unicamp, as duas coordenadoras da pesquisa, a fisioterapeuta Ivonne Bernardo Wicher e a educadora física Flávia Ciello, afirmaram que algumas das crianças estavam tão surpresas com a melhora que acreditavam estar curadas da asma.

 

“ A pesquisa vem para comprovar e fechar com chave de ouro o que nós professores de natação sempre visamos, a melhora para saúde em vários aspectos do corpo, hoje pudemos compartilhar com vocês sobre os benefícios para a asma, toda semana trazemos um benefício para vocês sobre a natação” completa professor Alessandre Vieira.

 

 

Agende uma avaliação na Academia Corpore Acqua.

17-3280-5136

Olímpia SP



Veja Também


Contatos
(17) 3281-6173
(17) 99721-1925

Rua Síria, 726-A
Centro - Olímpia-SP
Cep: 15400-000